Loading...

terça-feira, 29 de março de 2011

SINTED de Três Lagoas terá Chapa Única: Conquistas e Lutas encabeçada pela Profª Maria Diogo - A futura Presidente.


Foto: Juvenal Moreira
Momento em que a futura presidente Maria Aparecida Diogo, protocolou a inscrição da chapa CONQUISTAS E LUTAS, junto a Comissão Eleitoral (Profª Nilce de Sousa Lima, Lalinha e a Presidente da Comissão Profª Adriana Medeiros), na presença da atual presidente e candidata ao cargo de tesoureira, Profª Elaine Aparecida de Sá Costa.

Por volta das 17 horas, do dia 28 de Março de 2011, foi encerrado as inscrições de registro de chapas para concorrer as eleições da Diretoria Central e do Conselho Fiscal para o triênio 2011 a 2014, para dirigir os destinos do SINTED - Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Três Lagoas e Selvíria. As eleições serão realizadas no dia 26 de abril, no horário das 9 (nove) ás 20 (vinte) horas, e a posse dos eleitos realizará no dia 02 de maio de 2011.
Havia expectativa que  três chapas se inscrevessem, mas nenhum dos grupos que se diz oposição conseguiram articular chapas. Sendo assim, somente o grupo da situação se inscreveram denominando-se de "CHAPA 01 - CONQUISTAS E LUTAS', encabeçada pela Professora de Língua Portuguesa Maria Aparecida Diogo e como Vice Presidente, Irene Barbosa, especialista em educação; na tesouraria ficou a PROFª Elaine de Sá Costa, que é atualmente a Presidente e que devido já ter sido eleita por dois mandatos, não pode concorrer ao cargo de presidente, segundo os estatutos da entidade.  
Foto Juvenal Moreira
Profª Maria Aparecida Diogo (futura Presidente do SINTED  de Três Lagoas)
A Professora Maria Aparecida Diogo, protocolou o registro da chapa Conquistas e Lutas, por volta das 07h30minutos, da segunda feira (28). O Professor Pedro Antonio Agostinho, lotado na Escola Estadual João Magiano Pinto (JOMAP), até que tentou mas não entabulou a vontade de protocolar a inscrição junto a Comissão Eleitoral, pois chegou de ultima hora e com os documentos totalmente incompletos, onde a Comissão sob Presidência da Professora Adriana Medeiros, diretora da Escola Municipal General Nelson Custódio de Oliveira, não homologou o registro.
Na opinião do ProfºJuvenal Moreira, diretor adjunto da Escola Municipal Parque São Carlos,a presidente da Comissão Eleitoral Professora Adriana Medeiros, foi corretíssima, pois os documentos apresentados não atendia as exigências do edital para o registro de chapa e ressaltou que o nome da Chapa 01 CONQUISTAS E LUTAS, mostra a criatividade dos Sindicalistas, integrantes da Chapa encabeçada pela Profª Maria Aparecida Diogo, pois analisando o trabalho e os avanços conquistados pelo grupo que atualmente representa os educadores treslagoenses, que também faz parte é digno de elogios e deve ser seguido como exemplo e JAMAIS DESACOSTUMAR DAS CONQUISTAS E DAS LUTAS. 

A ATUAL DIRETORIA SOB LIDERANÇA DA PROFª ELAINE, SEMPRE DESEMPENHOU UM TRABALHO SÉRIO E RESPONSÁVEL, COM DEDICAÇÃO E DETERMINAÇÃO EM BUSCA DE MELHORIA PARA O TRABALHADOR DA EDUCAÇÃO, TANTO DA REDE ESTADUAL COMO DA MUNICIPAL: "Não vamos desacostumar de lutar pelos nossos direitos, pois só assim teremos CONQUISTAS", finalizou o diretor adjunto da escola Municipal Parque São Carlos.

segunda-feira, 28 de março de 2011

Sindijus empata em Três Lagoas com amigos do Bom Mané

O Estádio Benedito Soares da Mota (Madrugadão), recebeu no sábado (26), ás 15:00hs, a equipe do Sindjus (Sindicato da Justiça, sito na cidade de Campo Grande), que enfrentou os Amigos do Bom Mané, que residem na cidade de Três Lagoas, cujo o placar ficou 4 x 4.  Depois do confronto que mostrou grande equilíbrio nas ações, a equipe de Três Lagoas, ofereceu uma confraternização, regada de muitos peixes e umas BEER GELADÉRRIMAS, no Rancho Madri , que fica as margens do Rio Sucuriu. Vale ressaltar que uma das figuras marcantes do embate foi a do Alguimar Amâncio da Silva (Bom Mané).


 Equipe dos amigos do Bom Mané, comandada por Adonildo Santos e BAEZ

Equipe do Sindijus de Campo Grande/MS


Atividades no Master Clube recanato do Galo

Sócios e amigos do Master Clube Recanto do Galo, agora conta com mais uma atividade recreativa: Umamesa de bilhar



Torcedores do Campeonato Varzeano de 2011, que está sendo realizado na sede do Master Clube Recanto do Galo

O lateral esquerdo PIO, recebendo de brinde um suculento churrasquinho das mãos de Gilmarzinho

Ismael Sousa, Basilio e o Profº Pedrinho, no Estádio do Madrugadão


sexta-feira, 25 de março de 2011

Palestra sobre prevenção ao álcool e drogas ministrada pelo Lions Club

O objetivo da palestra é o alerta os adolescentes para fiquem cientes dos perigos do mundo das drogas

Da redação(Hojems)
Divulgação
Na última quarta-feira (23), na Escola Municipal Parque São Carlos, uma palestra sobre prevenção ao Álcool e Drogas. A palestra foi organizada em parceria com a diretoria da escola e o Lions Clube de Três Lagoas, através de seus associados.

Segundo o Diretor da Escola Municipal Parque São Carlos, Juvenal Moreira, o objetivo da palestra é o alerta os adolescentes para fiquem cientes dos perigos do mundo das drogas.

A palestra foi ministrada pelos Leões Marcelo Tabone e Tânia Bitanti, ambos assistentes sociais, que além da prevenção do uso de drogas abordou temas relacionados ao comportamento, postura, ética e motivação aos 50 alunos participantes.


Com informações de Ariel Dias Garcia

LIONS CLUBE DE TRÊS LAGOAS realiza palestra de prevenção ao uso de drogas na Escola Municipal Parque São Carlos

Fotos Juvenal Moreira
Profª Tânia Bitante
A equipe de palestrantes do Lions Clube de Três Lagoas/MS, realizou Palestra de Prevenção ao uso de drogas ilícitas, na Escola Municipal Parque São Carlos, na quarta feira (23/03/2011), no período vespertino para alunos dos 9º anos do ensino fundamental.
A equipe que teve a Professora e Assistente Social, Tânia Bitante, contou com a presença dos seguintes Leonino: Presidente Ariel Dias Garcia, Joel Ribeiro da Cunha, Maria Auxiliadora Duarte (Dora), Marcelo Tabone, Neuzita e representando o Clube de LÉO: marcaram presença Jéssica Duarte e Rubiana Porto.

Joel Ribeiro da Cunha
Na oportunidade a Professora  e Assistente Social, Tânia Bitante, falou com muita convicção sobre a importância da prevenção às drogas, o devido relacionamento familiar com o problema e a prevenção, relatou casos de pessoas de destaques na sociedade brasileira e famosos que usaram drogas, evidenciou conceitos de drogas, dependência e tolerância, além de orientar os alunos como identificar um usuário e os motivos pelo qual leva o ser humano ao uso de drogas.

Dora, Ariel, Joel e Tânia
Tânia Bitante, com muita habilidade e competência discorreu sobre os tipos de drogas, sempre interagindo e buscando a participação do alunos que tiveram comportamento exemplar, atentos e interessados no tema elencado. 

Dora
Questionados caso já o conheciam, diversos alunos, se manifestaram ter ouvido falar. Então a Professora Tânia, falou dos mais diversos tipos de drogas e seus efeitos foram apresentados em um telão.  Dentro do conceito de drogas a Palestrante focou o uso e os efeitos do Álcool, Cigarro/Tabaco , Cocaína , Crack , Êxtase , Haxixe , Heroína ,Maconha , Skank, Benzina e os Psicotrópicos, além da maneira que estas substâncias agem no sistema nervoso.

Ao final da Palestra que teve início ás 15 horas e seu término por volta das 16h20minutos, o Presidente do Lions Clube de Três Lagoas, Ariel Dias Garcia, agradeceu a oportunidade e a parceria de juntos: Escola e Clube desenvolverem um trabalho que realmente vem de encontro com a construção sadía dos adolescentes, enfatizando que os Leoninos estão a disposição para compartilhar de todos os trabalhos que venham de encontro com os anseios da sociedade, agradeceu a Direção da Unidade Escolar através do Professor Juvenal Moreira (Diretor Adjunto) colocando todo os Leoninos a disposição. Ato contínuo, o Professor Juvenal Moreira, disse aos Leoninos:" É uma imensa alegria receber o LIONS CLUBE DE TRÊS LAGOAS, na Escola Municipal Parque São Carlos; estou até mesmo emocionado com vossas presenças, pois já fiz parte deste conceituado Clube e conheço a seriedade com que as coisas são feitas e de forma voluntárias sem fins lucrativos. Quero dizer que enquanto estiver frente a direção desta unidade educacional, a chave de todas as portas deste estabelecimento de ensino, também pertence ao LIONS", ressaltou, e finalizando, completou: "Quem tem que agradecer somos nós, enquanto direção por termos recebido-os, e não vocês, afinal, vocês deram uma brilhante contribuição para a formação dos nossos alunos. Portanto, levam um forte abraço, nosso carinho e respeito pelo Clube", encerrou





quarta-feira, 23 de março de 2011

O POVO TEM O GOVERNO QUE MERECE!


UMA NOTÍCIA QUE NOS ENTRISTECE.


1 MINUTO DE SILÊNCIO!

Ontem, os deputados federais mostraram a cara, e não votaram o projeto de lei:


FICHA LIMPA


Para quem ainda não sabe, ontem, foi rejeitada a votação, na Ordem do Dia da Câmara Federal, o Projeto de Lei FICHA LIMPA, que impede a candidatura a qualquer cargo eletivo, de pessoas condenadas em primeira ou única instância ou por meio de: denúncia recebida em tribunal – no caso de políticos com foro privilegiado – em virtude de crimes graves, como: racismo, homicídio, estupro,


homofobia, tráfico de drogas e desvio de verbas públicas.

A IMPRENSA FOI CENSURADA E ESTÁ IMPEDIDA DE DIVULGAR! PORTANTO, VAMOS USAR A INTERNET, PARA DAR CONHECIMENTO AOS OUTROS 198.000.000 DE BRASILEIROS, QUE OS DEPUTADOS FEDERAIS TRAÍRAM.


LEVANTA-TE POVO

Espalhe logo esta notícia; segundo dados, uma mensagem da internet enviada a 12 pessoas, no fim do dia chega a 30.000 usuários.


Vamos espalhar!





















































-

terça-feira, 15 de março de 2011

Educação do MS para dia 16 de março em defesa do Piso Salarial



Nesta quarta-feira (16), as escolas estaduais e municipais de Mato Grosso do Sul irão paralisar suas atividades como protesto as reivindicações da categoria. A paralisação foi decidida em assembléia realizada no dia 8 de fevereiro na Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação da Mato Grosso do Sul).
A categoria decidiu não realizar greve, mas paralisações mensais. A data da primeira paralisação é no dia em que a lei n°11.738/2008, que institui o piso nacional para a categoria, completa três anos.
Entre as principais reivindicações dos trabalhadores da Educação, está o reajuste salarial, que no ano passado foi proposto índice de 6%.
Os professores querem chegar em 2013 recebendo o piso nacional e trabalhando 20 horas. Atualmente eles ganham, em média, R$ 1.750,00 numa escala de 40 horas.
A FETEMS também luta por melhores condições de trabalho, Plano de Cargos e Carreiras, redução da carga horária, fim da superlotação nas salas de aula, concurso público imediato e o cumprimento das metas estabelecidas na Conferência Nacional de Educação (CONAE/2010).
Ainda amanhã, às 14 horas, a Fetems realiza Audiência Pública na Assembleia Legislativa para debater a valorização da educação.
A próxima mobilização dos trabalhadores da educação já está agendada e deve acontecer no mês de maio. Ela será conduzida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) na Semana em Defesa da Escola Pública.
Em Três Lagoas, a expectativa e que 100% dos Trabalhadores em Educação lotados nas unidades educacionais aderem ao movimento.

segunda-feira, 14 de março de 2011

Começam trabalhos para criação do Sistema Municipal de Cultura

 Créd.: Marco Campos
Idéias sobre a implantação do Sistema Municipal de Cultura já começam a criar formas e sair do papel, foi iniciada nesta segunda-feira (14) o círculo de reuniões que contemplará as discussões que vão nortear a implantação do Sistema.
Encabeçando a discussão está o secretário de Cultura e Turismo de Andradina e representante do Ministério da Cultura, Fernando Magno.
“Encontramos aqui um Departamento coeso e com uma boa equipe, vamos capacitar essa equipe a implantar o Sistema Municipal de Cultura fazendo um trabalho com muito colaborativismo e gestão de campo, trabalhando com o desenvolvimento da cultura e dos fazedores de cultura. Precisamos unir a população ao departamento”, explicou Fernando.
As reuniões que devem acontecer uma vez a cada semana serão voltadas para atingir a população, mostrando a ela a importância da cultura junto a comunidade.
“Precisamos trazer a população para junto de nós, queremos que a comunidade dê sua opinião e expresse aquilo que espera da cultura de nosso município. Para que isso ocorra de forma natural vamos criar ferramentas que facilitem esse encontro, como fóruns de debates e reuniões com a população”, ressaltou a diretora do Departamento de Cultura Vickie Vituri.
O trabalho que será desenvolvido por Fernando Magno, através da empresa IMPROSED (Incubadora de Projetos de Desenvolvimento Socioeconômico) terá o auxílio de uma equipe de profissionais, entre eles da coordenadora de trabalhos e gerente de projetos, Sheyla Saori.
“Vamos trabalhar com profissionais que conhecem essa realidade e que já atuam nessa área, isso facilita o desenrolar das atividades’, afirmou Magno.
Para subsidiar os trabalhos a equipe de profissionais já desenvolveu um inventário, com perguntas que vão ajudar dar forma ao Sistema Municipal de Cultura, definindo como ele irá atuar. Aliado ao inventário foi criado um cronograma de ações. O cronograma traz as datas e especificações de cada atividade a ser desenvolvida até o término dos trabalhos.
“Como o Município tem como o prazo até o final do ano para criar o Sistema Municipal de Cultura, estamos trabalhando para concluir nossos trabalhos até o mês de julho, assim daremos tempo a Secretaria para se necessário fazer ajustes e tomar conhecimento de todo o funcionamento do Sistema”, garantiu Fernando.
De acordo com o cronograma de ações no mês de abril deve ser dada continuidade no processo de reuniões setoriais; no mês de maio estão previstos os fóruns setoriais de cultura assim como a sua sistematização e uma audiência pública de apresentação e debate da proposta do Relatório de Implantação do Sistema Municipal de Cultura; em junho acontecerá a Conferência Municipal de Cultura e no mês de julho está prevista para a entrega oficial do Plano de Desenvolvimento Cultural.

Sistema Municipal de Cultura

O Sistema Municipal de Cultura tem por finalidade planejar e implementar políticas públicas voltadas à proteção e promoção de atividades culturais que expressam práticas, serviços e bens artísticos e culturais determinantes para o exercício da cidadania.
Secretaria de Educação e Cultura inicia Semana Pedagógica

 Créd.: Laura Helena Nogueira
A Secretaria de Educação e Cultura, através do Departamento de Desenvolvimento Educacional e Pedagógico realizou na manhã dessa segunda-feira (14) a abertura da Semana Pedagógica da Rede Municipal de Ensino.
Além de momentos de reflexão, a Semana Pedagógica proporcionará ao docente o comprometimento com a melhoria do modo de ensinar e de aprender, desencadeando um novo espaço de aprendizagem. Através do encontro, os professores poderão discutir de forma saudável suas opiniões e relatos de sala de aula debatendo suas técnicas.
O evento foi realizado no anfiteatro das Faculdades AEMS e contou com a presença do secretário de Educação e Cultura, professor Mário Grespan, representando a prefeita Márcia Moura; a diretora do Departamento de Desenvolvimento Educacional, Jussara Fernandes; o psicólogo do Ministério Público, Sidney Ferreira Júnior; a promotora Ana Cristina Carneiro Dias, além dos professores da REME.
A diretora do Departamento de Desenvolvimento Educacional, Jussara Fernandes agradeceu o empenho de todos para a realização da Semana Pedagógica e desejou boas vindas aos professores que compareceram a palestra: “essa semana queremos que vocês tenham o máximo de proveito, pois foi preparada com muito carinho. Quero desejar a todos um ano de sucesso e dizer que os temas discutidos durante a Semana Pedagógica terão continuidade ao longo do ano”, destacou Jussara.
O secretário de Educação e Cultura ressaltou a importância do comprometimento de toda a equipe da REME para uma educação de sucesso: “é lindo observar a presença maciça dos senhores nessa manhã. Esse é um momento para aparar as arestas, introduzir o que é desejo do pedagógico, pois somos nós os responsáveis pelo funcionamento das escolas. Estejam nas escolas como se fosse o lar de vocês, com alegria, paz, felicidade, harmonia e união”, enfatizou Mário Grespan.
Dando sequência à abertura do evento, os professores assistiram a palestra com o tema “Resgate da autoridade dos dirigentes da Escola”, ministrada pela promotora de Justiça de Proteção a criança e adolescente, Ana Cristina Carneiro Dias.

Cronograma: 
Segunda-feira (14): 13h- Projeto Educação para o Trânsito (DETRAN/Fibria)
Público-alvo: professores do 5º ano e de língua portuguesa (6º ao 9º)
Local: Centro Cultural Professora Irene Marques Alexandria

Terça-feira (15): das 7h às 13h - Capacitação Cargill: De Grão em Grão e Fura-Bolo
8h- assinatura de convênio com a Cargill
Público-alvo: professores do 2º ao 5º ano e especialistas
Local: Sebrae/ Requinte Buffet

Das 7h às 11h: Capacitação das Merendeiras (De Grão em Grão)
Local: Centro Cultural Professora Irene Marques Alexandria

Das 7h às 13h - Curso de Danças Folclóricas e Educação Física Escolar
Público-alvo: professores de Educação Física
Local: Ginásio de Esportes

Das 7h às 13h – Estudo da proposta didática do 6º ao 9º ano
Público-alvo: professores do 6º ao 9º ano e especialistas (deverão levar os livros)
Local: CRASE “Coração de Mãe” – sala 18

Quarta-feira (16): das 7h às 13h - Capacitação Cargill: De Grão em Grão e Fura-Bolo
Público-alvo: professores do 2º ao 5º ano e especialistas
Local: Sebrae/ Requinte Buffet

7h: Palestra “A hora de brincar: a valorização das crianças como atores sociais”, com a Dra. Tanea Mariano
Público-alvo: todos os profissionais da Educação Infantil e do 1º ano
Local: AEMS

7h: Palestra “Acordo Ortográfico”, com a Dra. Marlene Durigan
Público-alvo: professores do 6º ao 9º ano, Artes, Educação Física e Língua Estrangeira – Inglês
Local: Anfiteatro do CRASE “Coração de Mãe”

Quinta-feira (17):
Lançamento do Projeto: Prêmio Três Lagoas / Professor Destaque 2011
7h30- Palestra “Avaliação como Prática Emancipadora”, Dra. Madselva Feiges (UFPR)
Público-alvo: professores, especialistas, diretores e adjuntos
Local: AEMS

13h30- Reunião equipe amigos do Zippy (apresentação do Programa)
Público-alvo: especialistas responsáveis pelo 2º ano e diretores
Local: CRASE “Coração de Mãe”

Sexta-feira (18): das 7h às 13h – Metodologias do Positivo
Público-alvo: professores do pré I e II, 1º ao 5º ano, Artes, Educação Física e Língua Estrangeira – Inglês
Locais:
Educação Infantil: Centro Cultural Professora Irene Marques Alexandria
1º ano: CRASE “Coração de Mãe”
2º ao 5º ano, Artes, Inglês: Escola Municipal Ramez Tebet
Educação Física: SINTED



domingo, 13 de março de 2011

Bairro Parque São Carlos vira mar quando chove

 A Rua Irmãos Cameshi, defronte para a Escola Municipal Parque São Carlos, nos dias de chuva fica parecendo mar. Pois as águas de enxurradas não tem para onde escoar devido falta de galeria. Os alunos, funcionários e moradores, sofrem com essa situação. Nos horários de final de expediente em que as crianças vão para suas respectivas casas é realmente lastimável, 

quarta-feira, 9 de março de 2011

Abertas inscrições para bolsas de estudos na Universidad de La Rioja


Estão abertas as inscrições para o Programa 2011- 2012 de bolsas de cursos de língua e de cultura espanholas da Universidad de La Rioja (Espanha). Voltado para estudantes e graduados em Universidades Brasileiras, que desejam aprender espanhol ou aperfeiçoar seus conhecimentos sobre a língua, o programa oferece sete bolsas para a realização de um curso trimestral para o próximo ano acadêmico 2011-2012.

A Universidad de La Rioja conta com o apoio e patrocínio do Banco Santander. As inscrições podem ser feitas até o dia 18 de abril. Mais informações podem ser obtidas no site:www.unirioja.es/espanol/editalbolsa .

Cartão do Exame Nacional de Certificação de Competências será enviado até dia 10 de março


O Ministério da Educação (MEC) recomenda atenção para que sejam observadas todas as informações do Cartão de Confirmação da Inscrição, que será enviado pela Empresa de Correios e Telégrafos até o dia 10 de março.



O Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) acontece dia 20 de março, a partir das 7h30 (horário de Mato Grosso do Sul).

O Ministério da Educação (MEC) recomenda atenção para que sejam observadas todas as informações do Cartão de Confirmação da Inscrição, que será enviado pela Empresa de Correios e Telégrafos até o dia 10 de março. 

Quem não receber o cartão até a data estipulada deve entrar em contato com Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) pelo telefone 0800 616 161. 

No dia da prova, o candidato deve chegar ao local da realização com uma hora de antecedência, munido de um documento de identificação original com foto e uma caneta esferográfica azul ou preta. Informações pelo site www.encceja.inep.gov.br .

Confira os horários e locais das provas: das 7h30 às 11h30, ciências naturais, história e geografia; das 13h30 às 18h30, língua portuguesa, língua estrangeira, artes, educação física, redação e matemática.



LOCAIS DE PROVAS: MUNICÍPIOS E COLÉGIOS
 

MUNICÍPIO
ESCOLA ESTADUAL
 
 
 
ÁGUA CLARA
MARECHAL CASTELO BRANCO

ALCINÓPOLIS
ROMILDA COSTA CARNEIRO

AMAMBAI
CORONEL FELIPE DE BRUM

ANASTÁCIO
ROBERTO SCAFF

ANAURILÂNDIA
MARIA JOSÉ

APARECIDA DO TABOADO
ERNESTO RODRIGUES

AQUIDAUANA
PROFª. DÓRIS MENDES TRINDADE

BATAGUASSU
MANOEL DA COSTA LIMA

BATAYPORÃ
BRAZ SINGÁGLIA

BODOQUENA
JOÃO PEDRO PEDROSSIAN

BONITO
LUIS DA COSTA FALCÃO

BRASILÂNDIA
ADILSON ALVES DA SILVA

CAARAPÓ
TEM. AVIADOR ANTÔNIO JOÃO

CAMAPUÃ
CAMILO BONFIM

CAMPO GRANDE
JOAQUIM MURTINHO

ARLINDO DE ANDRADE GOMES

MARIA CONSTANÇA BARROS MACHADO

HERCULES MAYMONE

CASSILÂNDIA
HERMELINA BARBOSA LEAL

CHAPADÃO DO SUL
AUGUSTO KRUG NETO

CORUMBÁ
DR.JOÃO LEITE DE BARROS

COSTA RICA
JOSÉ FERREIRA DA COSTA

COXIM
SÍLVIO FERREIRA

DOURADOS
MENODORA FIALHO DE FIGUEIREDO


PASRTOR DANIEL BERG


ANTÔNIO SILVEIRA CAPILÉ


RAMONA DA SILVA PEDROSO

FÁTIMA DO SUL
SENADOR FILINTO MULLER

IGUATEMI
8 DE MAIO

ITAPORÃ
ANTÔNIO JOÃO RIBEIRO

ITAQUIRAI
MANOEL GUILHERME DOS SANTOS

JARAGUARI
JOSÉ SERAFIM RIBEIRO

JARDIM
CORONEL JUVÊNCIO

JUTI
31 DE MARÇO

LADÁRIO
2 DE SETEMBRO

LAGUNA CAARAPÃ
ÁLVARO MARTINS DOS SANTOS

MARACAJÚ
PADRE CONSTANTINO DE MONTE

MIRANDA
CAETANO PINTO

NAVIRAÍ
EURICO GASPAR DUTRA

NIOAQUE
ODETE IGNÊS RESSTEL VILLAS BÔAS

NOVA ALVORADA DO SUL
ANTÔNIO COELHO

NOVA ANDRADINA
ANTÔNIO JOAQUIM DE MOURA ANDRADE

PONTA PORÃ
JOAQUIM MURTINHO


MENDES GONÇALVES

PORTO MURTINHO
JOSÉ BONIFÁCIO

RIBAS DO RIO PARDO
JOÃO PONCE DE ARRUDA

RIO BRILHANTE
ETALÍVIO PEREIRA MARTINS

RIO VERDE
THOMAZ BARBOSA RANGEL

SÃO GABRIEL DO OESTE
BERNARDINO FERREIRA DA CUNHA

SETE QUEDAS
13 DE MAIO

SIDROLÂNDIA
SIDRÔNIO ANTUNES DE ANDRADE

TACURU
PROF. CLETO DE MORAES COSTA

TAQUARUSSU
DR. MARTINHO MARQUES

TERENOS
ANTÔNIO VALADARES

TRÊS LAGOAS
PADRE JOÃO TOMES


JOÃO PONCE DE ARRUDA
Dilma garante implementar políticas públicas para mulheresPDFImprimirE-mail

A primeira mulher na Presidência da República será também o primeiro chefe do governo brasileiro a transformar as políticas públicas voltadas para a população feminina em uma das prioridades máximas do seu mandato. Construção de creches, linhas especiais de crédito para mulheres e ações interministeriais de combate à violência e de formalização do trabalho doméstico estão entre as medidas que serão anunciadas no próximo mês por Dilma Roussef.

Conforme o figurino do novo governo, voltado prioritariamente para o combate à miséria, especial atenção será dada às parcelas mais pobres da população. Elas são o principal alvo do programa de creches, que nascerá sob o desafio de cumprir a ambiciosa meta anunciada por Dilma na campanha eleitoral, de entregar 6 mil unidades até o fim do mandato.

Parte desse contingente populacional é formado pelas empregadas domésticas, que representam no Brasil algo entre 6 e 8 milhões de pessoas. Estudo da Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM), com base na última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) do IBGE, mostrou que 94,7% delas não têm carteira de trabalho assinada.

Os ministérios do Trabalho, da Previdência, a SPM e outros órgãos federais ainda discutem os detalhes do que será feito, mas é certo que as ações no campo do trabalho doméstico envolverão duas frentes. Numa delas, haverá um esforço conjunto para fazer valer a legislação trabalhista. Na outra, o Executivo defenderá no Congresso regras que assegurem às empregadas condições mais dignas de vida. As possibilidades em análise incluem a ampliação dos direitos trabalhistas e a garantia de acesso à aposentadoria. Em encontro com entidades feministas, na semana passada, a ministra de Políticas para Mulheres, Iriny Lopes, disse que a intenção do governo é “trabalhar a autonomia econômica, financeira e política das mulheres”.

Na reunião com representantes do movimento feminino, Iriny contou que a SPM deixará de ser secretaria para se transformar em ministério. E apontou a violência contra a mulher como outra preocupação prioritária do governo Dilma, que também será objeto de ações interministeriais. Nesse caso, mais uma vez, para fazer cumprir a lei, evitando abusos contra as mulheres.

Os direitos femininos motivarão ainda a primeira grande campanha de propaganda do governo., informou que todo o mês de março será dedicado pelo governo às mulheres. “Em vez de um dia, teremos um mês. A ideia é que a presidenta anuncie alguma coisa em pelo menos uma cidade de cada uma das cinco regiões do país”, disse Iriny. (Congresso em Foco)
 

Professores em fugaPDFImprimirE-mail

Vera Lúcia Pereira dos Santos
Doutora em Linguística e em Língua Portuguesa e suporte pedagógico de Português no Ético Sistema de Ensino (www.sejaetico.com.br)

Não constitui surpresa saber que caiu o número de formandos em cursos que preparam docentes. O desinteresse dos adolescentes pelo magistério não se revelou repentinamente. É reflexo de um processo que vem se corporificando há muito tempo no exercício do magistério, aliado à decadência do ensino público monitorado por políticas públicas equivocadas.
Como professora de escola pública nas décadas de 1970, 80 e 90, fui testemunha da aplicação de leis, regimentos e normas pretensamente democráticas, inovadoras e revolucionárias, impostas ao professor como panacéias solucionadoras de todos os problemas educacionais. A escola transformou-se em entidade predominantemente assistencialista e ao mestre era atribuída toda a responsabilidade pelo insucesso do aluno - a reprovação, se ultrapassada determinada porcentagem, era sinônimo de incompetência didática. O professor foi perdendo sua autonomia e, sem ela, sente-se desprestigiado, desmotivado e desestimulado e seu aluno percebe esse desencanto.
Para esse processo de desconstrução, vários outros fatores contribuíram. Entre eles, ainda da perspectiva do docente, destaco o tratamento dispensado aos cursos de formação de professores da Educação Básica. Aos docentes que atuavam nesses cursos recomendava-se, não oficialmente, agir com complacência e não exigir muito do aluno na atividade didática. Isso porque o perfil da clientela, segundo orientadores e diretores de escola, era formado por adolescentes menos favorecidos economicamente e com poucos subsídios culturais e que, muitas vezes, ignoravam o alcance de sua vocação.
Não seria essa uma forte razão para se elevar o nível desses jovens, futuros mentores da fase mais importante e decisiva do ensino, a alfabetização? O que pensar de cursos de graduação em Pedagogia que serviram durante algum tempo de meio de aquisição de maior remuneração para docentes e acesso à classificação privilegiada na atribuição de aulas?
Via e vejo nessa atitude facilitadora e desvirtuada uma contradição que só poderia resultar no quadro preocupante que hoje mobiliza institutos de pesquisas, educadores e especialistas em educação para tentar revertê-lo. A ausência de atração pela carreira docente entre estudantes do Ensino Médio soma-se ao desalento do magistério e cria uma lacuna perigosa na formação de outros profissionais? Quem irá orientá-los? Qual é a saída desse labirinto?
É óbvio que há soluções e elas já foram apresentadas por pesquisadores abalizados como Bernardete Gatti, da Fundação Carlos Chagas. Agora falta aplicá-las. Os professores estão fugindo não por covardia, mas em busca da própria dignidade.
 
CNTE participa de audiência pública por Gestão Democrática nas EscolasPDFImprimirE-mail

CNTEA Assembleia Legislativa do DF realizou nesta segunda-feira, 28, uma audiência pública com a presença de autoridades de governo federal e distrital, parlamentares, representantes do movimento sindical, professores, funcionários de escola, estudantes, pais, para debater questões relacionadas à Gestão Democrática nas Escolas Públicas do Distrito Federal.


A Secretária Geral da CNTE, Marta Vanelli, integrou a mesa de debates a convite da deputada Rejane Pitanga (PT), presidente da Comissão Defesa do Consumidor, responsável pela convocação da audiência. Marta parabenizou a iniciativa da Deputada e elogiou o processo de mobilização da comunidade escolar e autoridades em torno do tema. 

Diante de um auditório lotado, Rejane Pitanga abriu o debate e destacou o quanto é importante a democracia para melhoria da qualidade da educação e para a construção coletiva do processo pedagógico. Ela reiterou o empenho da bancada do PT pela aprovação, até o mês de julho, do projeto de lei que institui as eleições diretas para diretor, vice-diretor e conselhos escolares. “Temos o dever de resgatar essa conquista da educação cassada em 1999 durante o governo de Joaquim Roriz”, enfatizou.

A secretária de Educação do DF, Regina Vinhaes, disse que a presença da secretaria de educação é “apenas e unicamente para ampliar o projeto” e revelou a intenção de criar Conselhos Regionais de Educação com representação de toda a comunidade escolar.
“Queremos que cada segmento da escola se reúna e escolha seus representantes para compor os conselhos, garantindo a sua legitimidade, autonomia e força”.

O atual Secretário de Administração do GDF, professor Denílson Bento da Costa, ex-diretor da CNTE, fez uma saudação ao auditório lembrando que a gestão democrática é um dos pontos importantes que compõem o Plano Nacional de Educação em discussão no Congresso Nacional.
CNTEMarta Vanelli fez coro com Denílson, acrescentando que as metas para gestão democrática apresentadas pelo MEC no projeto de PNE “estão muito aquém” das aprovadas durante a Conferência Nacional de Educação, CONAE, realizada em abril de 2010. Disse que é preciso a mobilização de todos para que a gestão democrática nas escolas públicas brasileiras, reivindicação histórica da CNTE, seja incluída no PNE de forma que legitime a participação da comunidade escolar e não se restrinja apenas a questões relacionadas ao mérito e ao desempenho profissional dos educadores. Marta aproveitou para convidar a todos para juntarem-se as mobilizações que serão organizadas pela Confederação a partir do mês de abril em Brasília, em defesa da educação pública de qualidade. (CNTE, 29/02/11)
 
ADI contra o Piso pode ser julgada no dia 17 de marçoPDFImprimirE-mail
03-03-2011
GoogleA Ação Direta de Inconstitucionalidade 4.167 (ADI) que contesta alguns pontos da Lei do Piso dos Professores (PSPN) está com julgamento marcado para o dia 17 de março no Supremo Tribunal Federal (STF).

A CNTE espera que a Ação seja definitivamente julgada em favor dos professores e que os estados cumpram integralmente o que foi sancionado pelo então presidente Lula, em 2008. "Nós esperamos que o Supremo respeite o desejo do povo que teve o apoio do Congresso Nacional  ao votar por unanimidade em favor do Piso", afirmou o presidente da CNTE, Roberto Leão.
MEC regulamenta prova nacional de concurso para professoresPDFImprimirE-mail

GoogleO Ministério da Educação teve de mudar o primeiro formato da Prova Nacional de Concurso para o Ingresso na Carreira Docente. Atendendo pedidos de pesquisadores e entidades ligadas aos professores, ela ganhou novo nome e função também. A preocupação dos especialistas era que a prova fosse utilizada para avaliação de rendimento do professor e elaboração de rankings. Agora, ela será limitada a selecionar candidatos à carreira. A portaria que regulamenta a prova foi publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União.
Para as entidades, essa já é uma função importante e que trará ganhos à profissão. “Uma prova nacional pode abrir caminho para termos uma profissão com parâmetros nacionais, além do piso salarial e as diretrizes nacionais de carreira. Ela é importante também porque começa a democratizar o ingresso à carreira em diferentes municípios e Estados”, afirma Roberto Franklin de Leão, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).

Em maio do ano passado, quando as primeiras propostas vieram à tona, ela era chamada de Exame Nacional de Ingresso na Carreira Docente. Foi apelidada de Enem do magistério e seguia os moldes da avaliação do ensino médio. Apesar de a primeira função do exame, desde sua proposta inicial, ser a de ajudar Estados e municípios a fazer uma seleção de profissionais de qualidade, outras possibilidades foram estabelecidas e permanecerão.

O documento inicial, colocado em consulta pública à época, dizia que os resultados poderiam servir como auto-avaliação e diagnóstico da formação dos docentes para orientar gestores a definir políticas públicas para a área. Apesar de a ideia estar mantida, as entidades garantem que o modelo não é o mesmo. A primeira edição do concurso nacional só ocorrerá em 2012.

Participação social

Representantes de entidades de pesquisa ligadas à educação, como a Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Educação (Anped), e de associações como a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e a CNTE foram convidadas pela nova presidenta do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela prova, para participar das discussões do modelo da avaliação. Eles farão parte de um comitê que dará consultoria ao Inep na elaboração da prova.

Esse comitê já recebeu a primeira proposta de matriz de competências – que define como o banco de itens da nova prova será elaborado – para analisar. O mesmo documento ficará em consulta pública no site do Inep para receber contribuições da sociedade até março, quando a matriz deve ser definida. Leão lembra que a matriz poderá ser modificada anualmente, o que permite que os cursos de graduação não fiquem presos à proposta de avaliação do concurso nacional.

Os Estados e municípios que não quiserem utilizar a prova nacional poderão solicitar, por exemplo, apenas itens ao Inep para montar a própria seleção. “Poderemos contribuir para a qualificação dos concursos, mesmo que as prefeituras não queiram aderir à prova nacional. Faz parte do papel do MEC induzir essa qualidade”, destaca o ministro.

Dalila Andrade Oliveira, presidente da Anped, espera que o MEC exija dos municípios que utilizarem a prova contrapartidas, como exigências de boa carreira. “Já que o ministério vai resolver o problema deles na elaboração de concursos, ele pode exigir, por exemplo, o cumprimento de pagamento de piso salarial, por exemplo”, comenta.

Para Carlos Sanches, presidente da Undime, o concurso nacional será de extrema importância para os municípios. “Vai facilitar muito o processo de contratação de professores. A maioria absoluta dos municípios de pequeno e médio porte tem dificuldades orçamentárias e estruturais para realizar concursos”, ressalta. Sanches acredita que o nível dos contratados dará um salto de qualidade com a prova.

O presidente da Undime ressalta que, com a prova, pagamento do piso e a oferta de um plano de carreira atraente, não haverá territórios para seleção de professores. “Esse tipo de medida demora a impactar na decisão do jovem de optar pela carreira do magistério, mas é um facilitador e logo poderá chegar lá”, acredita. (IG, 03/03/11)



terça-feira, 8 de março de 2011

Desfile das Escolas de Samba atraiu milhares à Avenida Antonio Trajano

Prefeita Márcia Moura acompanhou o desfile e, animada, dançou ao som dos enredos das escolas
Foto: Assessoria de Comunicação

As duas escolas de samba de Três Lagoas, "Acadêmicos Unidos de Três Lagoas" e a "X15 da Vila Piloto", desfilaram para ceca de10 mil pessoas
'Cerca de 10 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, prestigiaram na noite deste domingo (6) o desfile das duas escolas de samba de Três Lagoas, a "Acadêmicos Unidos de Três Lagoas" e a "X15 da Vila Piloto", que levaram para a Avenida Antônio Trajano dos Santos os enredos "Energia: Alimenta o Ser, Movimenta a Máquina e Clareia a Noite" e "Cultura e Meio Ambiente, é no Meio da Gente, Preservar é o Nosso Papel".
A Prefeita Márcia Moura e demais autoridades municipais também participaram do evento.
A chuva que caiu durante todo o dia deu uma trégua no momento do desfile, o que garantiu o sucesso do evento e a oportunidade para que os treslagoenses pudessem acompanhar a festa.
"O Carnaval de Três Lagoas contagiou a todos com a alegria dos cidadãos e de todos nós abençoados por Deus e ainda pelo clima que ajudou e aumentou a alegria do sentimento Carnavalesco desta festa tão bonita", disse Márcia Moura.

Desfile
A "X15 da Vila Piloto" foi a primeira escola a desfilar. A Comissão de frente, bem ensaiada, deu boa noite ao público e o que se viu depois foi um carnaval bonito e empolgante. Por ser o seu primeiro ano na avenida, a escola não economizou em animação e disposição. Destaque para a bateria, muito bem comandada pelo puxador e autor do samba da escola, Sergio Pinicuta.
Para a moradora do bairro Parque São Carlos, Maria Aparecida, o Carnaval na avenida faz com que as escolas e seus integrantes fiquem mais perto do público: "Quando a bateria da escola passa, ficamos mais animadas, é neste momento que dançamos pra valer", disse Maria.
A "Acadêmicos Unidos de Três Lagoas" levou para a avenida a experiência. A escola apresentou dois carros alegóricos, sendo o primeiro, a tradicional Arara Azul, símbolo da escola.
À frente da bateria, o presidente da escola, Milton José "Tó" da Silva, deu um show de disposição e energia, comandando o ritmo da escola e inspirando os mais novos.
A escola ainda desfila alas como a das baianas, passistas e dos palhacinhos.
A Polícia Militar garantiu a segurança do público, não sendo registrado nenhum incidente durante o evento.