Loading...

sábado, 13 de novembro de 2010

Clube Treslagoense de Aeromodelismo faz palestra na Escola Municipal Parque São Carlos



Fotos: Juvenal Moreira
Vadico e o Dr. Douglas
Drº Douglas, distribuindo convites aos Estudantes
Com a presença do Dr. Douglas Henry Borges, conceituado médico na cidade de Três Lagoas, e grande incentivador do Aeromodelismo no municipio de Três Lagoas/MS/BRASIL, o Clube Treslagoense de Aeromodelismo, realizou uma empolgante palestra na Escola Municipal Parque São Carlos, na sexta feira (12/11), por volta das 15hs. para mais de 50 alunos do 9º ano do ensino fundamental, onde contou como palestrante, uma grande personagem do mundo da aviação. Conhecido por VADICO, membro honorário da Força Aérea Brasileira, que fez um importante relato histórico da aviação brasileira e falou da sua paixão pela aeromodelismo, além de enaltecer os praticantes deste esporte em Três Lagoas, vindo por convidar alunos e familiares a prestigiar a 3ª FESTA: Denominada de :
 FESTIVAL TRESLAGOENSE DE AEROMODELISMO, que será nos dias 12, 13, 14 e 15/11 com atrações como: X Night Fly - Vôo Noturno, que será no Sábado, com praça de diversão e alimentação e que terá ônibus gratuito para o local, com saída da Praça Ramez Tebet, passando pela Avenida Filinto Muller, com destino ao local da Festa que fica no HARAS JAÓZINHO  - BR 158, KM 263 - Saída para a cidade de Selvíria. O evento será realizado nos dias: 12, 13, 14 e 15 de Novembro de 2010.


 A HISTÓRIA DO AEROMODELISMO EM TRÊS LAGOAS (www.aerotreslagoas.com)

foto: SITE do Clube
Pista pertencente ao Clube treslagoense, local que ocorrerá o evento

A emoção de voar estas fantásticas máquinas voadoras com os pés no chão. Três Lagoas não poderia ficar para traz com este hobby tão fascinante, com muito trabalho a ATLA - Associação Treslagoense de Aeromodelismo vem ao longo desses anos buscando incentivar o crescimento do aeromodelismo em nossa cidade e região, Lançamos nosso site que estamos aprimorando a cada dia e esperamos que seja do agrado de todos, e que através dele possamos mostrar um pouco do aeromodelismo que praticamos aqui em nossa cidade. Nossa missão: 
Promover o desenvolvimento do aeromodelismo em nossa cidade como um hobby saudável, para se compartilhar entre amigos e familiares, e apoiar as pessoas interessadas em ingressar no hobby.
O esporte modelismo, isso mesmo, aeromodelismo é considerado um esporte, chegou ao Brasil na década de 70 quando os aficcionados pelo hobby adquiriam, junto a casa Aerobrás de São Paulo, os pequenos kits de madeira balsa equatoriano (leve igual isopor) que eram montados e, quando lançados ao vento, eram impulsionados por pequenas hélices movidas pela simples torção de elástico. O hobby foi evoluindo, e logo surgiram os aviões controlados por cabos, os VCC. O avião ficava preso pela extremidade da asa e o piloto realizava vôos circulares ao seu redor. Ainda hoje, encontramos vários praticantes desta modalidade. O piloto Benê Rodrigues de São Paulo é um dos maiores ases desta modalidade. Na década de 80, Celso DeSanti de São Paulo, um aficcionado pelo esporte modelismo, começou a importar aviões radiocontrolados, mais sofisticados, que voavam livremente pelo céu sob o comando do piloto. Airton Senna da Silva, o nosso eterno Senna do Brasil foi um de seus alunos. Da nossa terra, o delegado Frank Corpa também fez parte deste seleto grupo, juntamente com Pedro Pedrossian Filho, o Pepê, filho do nosso ex-governador Pedro Pedrossian. Delegado Frank Corpa, além de ser uma excelência na construção de aeromodelos, foi o grande responsável pela introdução deste hobby em nossa Três Lagoas. Na década de 90 ficou conhecendo Guilherme Alves Garcia, agente fazendário e morador desta cidade, que nutria um grande interesse pelas maquininhas voadoras. Ganhando um pequeno aeromodelo do amigo e compadre Geraldo, de Campo Grande, Guilherme procurou o delegado Frank na ânsia por aprender a pilotar seu belo aeromodelo. Assim, começou a história do aeromodelismo em Três Lagoas. Frank reuniu os amigos Guilherme, Ezequiel e Anuar Capp Hamed, e juntos curtiam bons vôos nos fins de tarde no aeroporto municipal. Em 1997, outro apaixonado pelo hobby, o médico Douglas Henry Borges, recém saído da universidade e vindo trabalhar em nossa cidade, juntou-se ao grupo. Seus instrutores foram o delegado Frank Corpa e Guilherme Garcia. Em uma semana aprendeu a arte do aeromodelismo. Em 1998 fundaram a ATLA (Associação Treslagoense de Aeromodelismo) e, com ajuda de alguns empresários do município, construíram uma pista própria, toda asfaltada (200x16) na saída p/ Brasilândia, em uma área gentilmente cedida em comodato pelo empresário Jefferson Jorge Salomão. As atividades nesta respectiva pista duraram até o ano de 2007, quando uma construção de um alojamento p/ operários da fábrica VCP acabou inutilizando a pista, visto que, para uma total segurança, é proibido o vôo com aeromodelos sobre áreas povoadas. Sem uma pista p/ voar, os aeromodelistas solicitaram junto a administração municipal do aeroporto, uma permissão p/ a prática do esporte no pátio externo do aeroporto. Permissão concedida, os pilotos logo colocaram suas máquinas ao sabor do vento. Com a evolução constante do esporte modelismo, a partir de 1998, um piloto da cidade de Limeira SP chamado Fábio Trento, chamou a atenção do Brasil e do mundo do aeromodelismo, ao pilotar seu avião, um Laser 200, com precisão inigualável. O Laser 200 pertencia a categoria Giant Scale, que são aviões grandes com mais de 2mts de envergadura e impulsionados por potentes motores movidos a gasolina. Fábio difundiu os Giant Scales pelo Brasil. Neste ano, Guilherme Garcia e Douglas Borges entraram neste seleto grupo de pilotos com suas belas e potentes máquinas em escala gigante. Frank Corpa Montou para Douglas Borges um Laser 200 impulsionado por um motor 3W de 80cc, de fabricação alemã. Assim, ganhou os ares de Três Lagoas o primeiro aeromodelo 1/3 de Scala de Mato Grosso do Sul. Em seguida, Guilherme Garcia começou a construção de um EXTRA 300, impulsionado por um motor 3W de 100cc. Desde então, os aficcionados aeromodelistas Treslagoenses não pararam mais. Todos os finais de tarde dos sábados e domingos eles podem ser encontrados no pátio externo do aeroporto municipal, elevando ao céu suas belas máquinas voadoras. Em breve, ainda este mês, estarão voando em pista própria, particular, que está sendo construído em uma área na estância Jaozinho, gentilmente cedida pelo mais novo membro da associação, o engenheiro civil Álvaro Martins. Para os simpatizantes do esporte é sempre um belo prazer dar uma esticada até o aeroporto e ficar, por horas, apreciando o balé dos aeromodelos treslagoenses.
Este é um breve resumo da história do Aeromodelismo no Brasil e em Três Lagoas.

Por: Douglas henry Borges) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário